Abertura inspirada

11 abr

Amor e Revolução, a novela do SBT sobre o período ditatorial no Brasil, tem uma ‘abertura’ inspirada. Uso o termo entre aspas, justamente pelo fato de que a vinheta vai ao ar no final do capítulo e não no início como tradicionalmente.

Ao som do clássico “Roda Viva” de Chico Buarque, na versão do grupo MPB 4, a vinheta tem pessoas desaparecendo de cenas do cotidiano, remetendo assim às milhares de pessoas que desapareceram durante a ditadura e até hoje não foram localizadas.

A abertura tende à polêmica envolvendo a possível instalação da Comissão da Verdade pelo Governo Federal. A ideia do grupo é esclarecer os casos de violação dos direitos humanos durante a ditadura, mas esta pretensão não é bem vista por setores relacionados às Forças Armadas.

Assista a abertura de Amor e Revolução.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: