Vai um cafezinho aí?

24 maio

O “Bom Dia Brasil” apresentou uma matéria hoje, 24 de maio, sobre o Dia Nacional do Café. Conhecido como o ‘ouro negro’, o principal ingrediente das mesas brasileiras já teve um grande papel na nossa economia.

Durante mais 100 anos, coube ao grão a liderança nas exportações criando uma oligarquia rica e poderosa. Os barões do café, como ficaram conhecidos os grandes cafeicultores paulistas, mandaram no país por um longo tempo.

Base da economia imperial, a cafeicultura sofreu um grande golpe com o fim da escravidão. No entanto, imigrantes – principalmente italianos – vieram para o Brasil em busca de riqueza nos cafezais.

Mas a crise econômica de 1929 e a consequente quebra da Bolsa de Nova York levou à ruína os grandes produtores, que acabaram queimando colheitas inteiras afim de manter o preço, sem sucesso.

Tanto que o ano de 1930 marca o historicamente o fim do ciclo do café no Brasil. A ascensão de Getúlio Vargas ao poder também pois fim a uma era intimamente ligada as oligarquias.

A política do café-com-leite era baseada no revezamento entre mineiros e paulistas. Ora assumia um mineiro ligado aos produtores de leite de Minas Gerais, ora era indicado um paulista influente junto aos cafeicultores.

A revolução comandada por Vargas colocou fim ao café como principal produto econômico brasileiro, mas não impediu que nesta data na qual se é comemorada seu Dia Nacional, milhões de cafezinhos fossem servidos pelo país afora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: