1822

20 out

Dei um pulo de 14 anos na história. Li 1822, de Laurentino Gomes, o mesmo autor de 1808. Retrato fiel do Primeiro Renado, o livro mostra como aconteceu o Grito do Ipiranga e a consequente Independência do Brasil.

Mais uma vez o subtítulo da obra chamou minha atenção: “Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram D. Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para dar errado”.

Diante da trajetória do homem que marcou a história de duas nações, a vida de D. Pedro I é pano de fundo para recriar e explicar o panorama político e social que levaram a separação do Brasil de Portugal.

Como todos os fatos históricos, a Independência brasileira foi um processo amplo e complexo com vários antecedentes marcantes como a independência norte-americana e a revolução francesa.

Fruto do liberalismo predominante na época, o processo de separação foi o estopim dos acontecimentos que já agitavam a colônica e a metrópole desde a chegada da corte portuguesa em 1808.

Com detalhes sobre a marquesa de Santos – amante e grande paixão de D. Pedro; José Bonifácio de Andrada e Silva (o homem sábio); a imperatriz Leopoldina (a princesa triste) e Lord Cochrane (o escocês louco por dinheiro), a obra traz ricos dados sobre todo o período.

Ainda no texto, referências a volta de D. João VI a Portugal, a regência de D. Pedro I, a convocação das cortes após a revolução liberal do Porto, em 1820 até a abdicação ao trono, a disputa pelo poder lusitano contra o irmão D. Miguel e a morte em 1834.

Bem escrito, com linguagem clara e objetiva, Laurentino Gomes nos premia com mais uma aula de história do Brasil. São momentos tão importantes que merecem uma obra à altura.

Anúncios

6 Respostas to “1822”

  1. Laurentino Gomes 20/10/2011 às 22:14 #

    Caro Rogério. Gostei muito do seu texto sobre o livro “1822”. Obrigado pela leitura. Um grande abraço. Laurentino Gomes

    • Rogério Santana 20/10/2011 às 22:23 #

      Eu que agradeço. Tanto pelo comentário, quanto pelo livro. Todo brasileiro deveria lê-lo para compreender a história de nosso país. Já estou na expectativa para 1889. Obrigado.

  2. Mayara (@mayara_162) 21/10/2011 às 14:03 #

    Excelente dica de leitura…adoro ler sobre a história do Brasil!!! Me fez lembrar a minisserie reprisada agora no Canal Viva O Quinto dos Infernos!!!
    Obrigada pela dica!!!

Trackbacks/Pingbacks

  1. Oceano do tempo « Leia e Opine - 23/10/2011

    […] sua palestra de “Como gerenciar crises em mídias sociais” me levou a uma analogia com o livro 1822, do jornalista Laurentino […]

  2. Cultura em Curso | Leia e Opine - 12/03/2013

    […] Destaque para a oficina “1808-1822: a construção da Independência do Brasil”, com o jornalista Laurentino Gomes, autor dos best-sellers 1808 e 1822. […]

  3. 1889 | Leia e Opine - 23/09/2013

    […] de dois best-sellers, 1808 e 1822, Laurentino Gomes nos premia agora com o último exemplar da trilogia que conta fatos importantes […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: