Palpitão dos grupos do Mundial de 2014 – Parte 1

8 dez

Por Gabriel Duque

Todo o mundo já sabe a divisão das 32 seleções nas oito chaves para a Copa do Mundo de 2014 no Brasil. O sorteio realizado na Costa do Sauípe, na sexta, colocou o Brasil em um grupo com bons testes, deixou a Argentina em situação tranquuila, montou o tão esperado grupo da morte com três campeões mundiais e promoveu o reencontro dos finalistas de 2010, Espanha e Holanda, logo na primeira fase.

Apesar das preocupações com os adversários, as distâncias percorridas no nosso país de dimensões continentais e o fator clima, com jogos às 13h, podem ser fundamentais na hora de definir os classificados. Espanha, Brasil, Alemanha e Argentina são vistos como favoritos ao título, mas até o pontapé inicial em 12 de junho de 2014, no Itaquerão, tudo pode mudar.

Grupo A – avançam Brasil e México

Apesar do favoritismo na chave, a seleção de Felipão terá bons testes contra a Croácia de Modric e Mandzukic – suspenso da estreia -, o sempre perigoso México com Chicarito e Peralta e Camarões de Eto’o. A equipe verde-amarela poderia ter pego rivais mais fracos no sorteio, contudo não deve ter a classificação ameaçada. O time europeu, semifinalista em 1998, tem mais qualidade técnica, mas os mexicanos, apesar de terem precisado da repescagem, têm costumeiramente avançado de fase.

modric etoo e chicarito

Grupo B – avançam Holanda e Espanha

A Espanha vem com o mesmo grupo campeão da última Copa, porém mais envelhecido. Com uma chave traiçoeira, a Fúria pode repetir a Itália de 2010, campeã da edição anterior em 2006 e eliminada na primeira fase na África do Sul. É improvável, mas não impossível, já que a Holanda vem em ótima sequência sem perder há 17 jogos e o Chile, de Vidal e Alexis Sánchez, pode surpreender.

alexis van persie e iniesta

Grupo C – avançam Colômbia e Costa do Marfim

Chave das mais equilibradas pode reservar partidas bem interessantes com times que gostam de atacar. A geração colombiana de Falcao García e James Rodríguez gera muita expectativa e a Costa do Marfim de Droba e Yaya Touré tem, enfim, tem a chance real de avançar. A Grécia de Mitroglou e o Japão de Honda e Kagawa correm por fora.

drogba, falcao garcia e honda

Grupo D – avançam Itália e Uruguai

Pela primeira vez na história das Copas que um grupo terá três campeões mundiais. A Itália de Cesare Prandelli mostra o melhor futebol do trio e conta com a experiência de Pirlo e o faro de artilheiro de Balotelli. A briga pela segunda vaga deve proporcionar um Inglaterra x Uruguai de tirar o fôlego, mas a Celeste, apoiada pela torcida brasileira e com o ótimo momento de Luis Suárez e Cavani, deve passar pelo selecionado de Rooney. A Costa Rica é a outra seleção que integra a chave.

balotelli, suarez e rooney

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: