Tag Archives: internet

GShow: o site de entretenimento da Globo

13 jan

O fato de uma empresa de comunicação fazer ‘autopropaganda’ e divulgar novas atrações da programação ou outras atividades não é novidade para ninguém.

Mas, quem assistiu o Jornal Nacional no último sábado se deparou com uma matéria de 3 minutos e 30 segundos (muito se comparado o tempo de um telejornal) sobre o novo portal da emissora dedicado ao entretenimento: o GShow.

Com entrevistas de atores no Projac (a central de produção da Globo), a repórter Lilia Teles ensinou didaticamente como o usuário deveria acessar o novo espaço e quais as novidades que este encontraria na página como os sites dos programas e novelas da emissora .

Convergência de mídias – A busca por material exclusivo que ‘converse’ com o conteúdo exibido na televisão é uma tendência atual. Cada vez mais as pessoas procuram na internet informações sobre aquilo que assistem na TV.

Ponto para a Globo que sabendo se aproveitar deste filão investiu em um mercado que só tem a crescer.

Anúncios

youPIX no Ibirapuera

2 jul

youpixNesta sexta (06) e sábado (07), o 2º andar da Bienal do Ibirapuera recebe a 14ª edição do Festival youPix, encontro sobre novidades da internet que movimenta diversas pessoas em São Paulo.

O prazo para fazer a pré-inscrição gratuita se encerra hoje às 19h. Depois é preciso colocar o nome na lista de espera para verificar a possibilidade de participar das palestras e debates.

Entre os participantes confirmados, grandes nomes da internet brasileira como: Felipe Neto, Rafinha Bastos, PC Siqueira e muitos outros.

Para saber mais, acesse o site e confira a programação completa.

Publicidade integrada

7 out

Que as telenovelas fazem parte da vida do brasileiro e influenciam em nossa sociedade não é segredo para ninguém. Logo, o uso de ações publicitárias neste meio são cada vez mais comuns.

Conhecidas como os famosos merchandisings, essas ações vendem de tudo: desde o sabão em pó usado pela protagonista até o sorvete consumido pela vilã.

Maior audiência da televisão brasileira, a novela das nove da Rede Globo é tida pelo mercado publicitário como potencial espaço para a divulgação de marcas e produtos.

Assim, ver a propaganda de um novo residencial sendo cobiçado pela ex-ricaça Verônica (personagem de Débora Bloch) se encaixou perfeitamente à trama de Avenida Brasil.

No entanto, uma ação mais ampla mostrou o poder de persuasão da novela. Mais do que citar o empreendimento em cena, o site do folhetim trouxe uma série de fotos do conjunto de casas e fez uma chamada no homepage da Globo.com.

Esta ação mostra que assim como o conteúdo a publicidade está integrada. Une as diversas mídias e ainda serve de case para os novos modelos de negócio.

Internet supera jornais em publicidade

26 abr

Dados divulgados pelo Interactive Advertising Bureau (IAB Brasil), órgão responsável pelo segmento digital interativo no Brasil revelam que o investimento em publicidade online deve crescer  quase 40% em 2012.

Em números absolutos o valor pode chegar a R$ 4.645 bi em compra de mídia neste ano. Isso representa 13,7% da participação no mercado, superando assim o investimento de publicidades em jornais.

Neste novo panorama, a publicidade na internet ocupa a segunda colocação na divisão no bolo publicitário perdendo apenas para a televisão.

O crescente aumento no número de internautas e a popularização do meio digital são fatores predominantes nessa conta. Em um futuro próximo, a tendência é haver ainda mais investimentos em ações que se iniciam em uma mídia e se finalizam em outra.

Vide como exemplo, a também popularização dos QR codes que vem sendo usados em larga escala por diversos segmentos do mercado publicitário, iniciando a campanha em revistas e mídias internas e encerrando a ação na internet. 

Uso da internet está relacionado à idade

7 dez

De acordo com agência americana Pew Research Center, 53% dos internautas entrevistados entre 18 e 29 anos não tem uma razão específica para conectar-se à internet.

Já entre os internautas com idade superior a 65 anos, o índice cai para 12%. A relação entre ociosidade e idade pode ser exemplificada ainda mais analisando a faixa etária entre 50 a 64 anos.

Neste segmento, 27% não tinha um motivo claro ao ligar o computador e acessar a internet.

Para entender a internet

28 set

O título deste texto tende a ser pretensioso, mas reunir os melhores profissionais da área digital para trocar experiências e informações sobre este vasto universo que é a internet pode ser um bom começo.

Com inscrições abertas, o iMasters InterCon 2011 é um evento voltado para a discussão da internet em si, fugindo apenas da apresentação de cases, mas ampliando o conhecimento dos participantes através de diversas palestras simultâneas.

Marcado para sábado, 22 de outubro, no Hotel Unique, em São Paulo o evento tem como taxa o valor de R$ 220,00 (parceladas em três vezes no cartão) para que fizer a inscrição até o dia 30 de setembro e R$ 255,00 (também parceladas em três vezes no cartão) para quem efetuar a inscrição a partir de 01 de outubro.

Com quatro eixos principais: Arena Criativa, Analytics (métricas), Social Media e Maratona de desenvolvedores, o formato do encontro visa proporcionar uma visão ampla para os participantes.

Para mais informações, acesse o site do evento.

Fecharam minha janela para o mundo

9 jun

Ao meu ver a grande sacada do Windows foi justamente criar o conceito de ‘janelas’. Este item fundamental em qualquer casa amplia fronteiras e rompe as barreiras das paredes.

Esta introdução toda para dizer que ontem ‘fecharam minha janela’. Sem internet durante horas não pude trabalhar. Logo esta semana, com um evento tão importante à nossa porta!

Paciência. Pelos menos percebi o quanto somos dependentes dessa ‘ferramenta’. Não consegui desenvolver as minhas atividades sem Google, portais e outros sites de informação.

Tudo normalizado agora. Hora de correr atrás dos prejuízos.

Youtube bate recordes

26 maio

Após completar seis anos na rede mundial de computadores, o Youtube comemora dados impressionantes. Maior site de compartilhamento de vídeos da internet, a página bate recordes.

A cada minuto são processados 48 horas de vídeos nas bases do site. Ou seja, dois inteiros de informação são levados ao ar por esta ferramenta que vem revolucionando o mercado da comunicação.

Só para se ter uma ideia, na última semana foram mais de 3 bilhões de visualizações de vídeos por dia. Mas, a meta da empresa é aumentar esse número e chegar a 4 bilhões de visualizações por dia.

A internet nossa de cada dia

17 maio

Popular na primeira década do século XXI, a internet como conhecemos hoje foi criada ainda nos anos 1960 como parte de um conflito não-declarado. Com a Guerra Fria como contexto, o sistema de troca de informações foi desenvolvido pelo governo norte-americano afim de proporcionar segurança diante da ameaça russa.

Mas foi só nos anos 1990, que o pai do WWW (World Wide Web) Tim Berners- Lee criou o sistema de hiperlinks que revolucionou a internet e proporcionou um salto gigantesco na história, como exemplo, neste momento você pode ler este texto publicado aqui no nosso blog.

Em comemoração a esta rede crescente, hoje, 17 de maio, o mundo celebra o Dia Mundial da Internet e nós em rede podemos compartilhar ideias e pontos de vista.

Assim o conceito “aldeia global”, do canadense Marshall McLuhan, ganhou mais sentido. Cada vez mais, as fronteiras terrestres são superadas. Este infográfico do UOL, com inúmeras fotografias, mostra a importância da rede em inúmeros casos, desde a queda do ditador egípcio Hosni Mubarak até a maciça participação nas eleições presidenciais de 2010.

Claro, que ainda há muito para caminhar. Mas a internet está cada vez mais forte e mostra-se mais do que uma simples ferramenta na propagação de ideias e conceitos. A rede mundial de computadores tem tudo para ser a força motriz dos próximos séculos.

Isso que é interatividade

2 maio

Desde o advento da internet e a popularização das redes sociais, a televisão vem buscando formas de unir as duas plataformas para aumentar a participação dos telespectadores/internautas nas produções. O exemplo da Rede Globo com seus sites interativos já foi assunto em nosso espaço.

Nesta segunda-feira, 02, nota alçada na coluna Outro Canal publicada pela jornalista Keila Jimenez, na Folha de São Paulo, traz o ápice desta intersecção de mídias.

De acordo com a colunista, a novela do SBT “Amor e Revolução” terá seus finais definidos pelo público. Ou seja, não caberá ao autor Tiago Santiago a escolha derradeira para os protagonistas e sim aos telespectadores.

Ao meu ver, essa opção mostra uma mudança na relação público X conteúdo. Há algum tempo, as pessoas deixaram de ser apenas passivas na recepção das informações e passaram a definir o que é importante ou não nas programações da televisão.

A iniciativa do SBT e do autor parece inusitada, mas a ousadia nestes casos pode ser favorável ao desenvolvimento da trama e maior aceitação junto à audiência.

Para os assinantes da Folha e do UOL, clique aqui.

Para quem não tem acesso direto, abaixo a nota da coluna: 

Democrática –  O desfecho de “Amor & Revolução”, novela do SBT, será escolhido pelo público. A partir do capítulo 100, o público poderá decidir com quem os principais casais da trama devem terminar, via internet. Para isso, vários finais serão gravados.