Tag Archives: Barcelona

Patrocinadores se beneficiam de estrelas do futebol

3 set

Por Gabriel Duque*

Propagandas com a participação de grandes jogadores de futebol não são mais novidade há tempos. Marcas como Nike e Pepsi se especializaram em produzir campanhas com diversas de estrelas. Os vídeos com temáticas inusitadas chamaram a atenção de torcedores e também de não-torcedores, foram sucesso na televisão e se tornaram virais na internet.

Apoiados nessa operação bem sucedida, cada vez mais as fabricantes de material esportivo investem em vídeos com seus atletas famosos e os patrocinadores dos clubes usam jogadores e técnicos em suas campanhas. Recentemente, o Bayern de Munique participou de uma empreitada dessas. A Paulaner, cervejaria que patrocina a equipe, idealizou uma ação de marketing com todos os jogadores e o técnico espanhol Pep Guardiola vestidos com trajes típicos da Baviera.

A ideia é promover a Oktoberfest, festa típica da região regada com muita cerveja que será realizada em outubro. Veja os bastidores da gravação neste link.

A Qatar Airways, patrocinadora do Barcelona, também divulgou uma campanha na qual o seu avião chega ao “país Barcelona”. Piqué como atendente da alfândega, Neymar como turista, Messi como professor de dança, Iniesta como pintor e Puyol destruindo o vaso com uma cabeçada participam do vídeo.  Confira:

Divertidas, curiosas e muito populares, essas campanhas são a nova forma de ganhar o torcedor/consumidor. Esperemos pela próxima.

* Gabriel Duque é jornalista formado pela Universidade São Marcos e trabalha como editor em uma empresa de mídia out of home,

Anúncios

Domínio Real – Barça na Espanha

5 maio

Por Gabriel Duque

Por antecipação, o Real Madrid já sacramentou o título da temporada 2011/12 da Liga Espanhola, o 32° de sua história, voltando a vencer o campeonato nacional após três anos de conquistas do Barcelona. No papel, os dois possuem os melhores times e elencos do mundo apesar de não terem chegado à decisão da Liga dos Campeões.

Cristiano Ronaldo, o craque merengue

O domínio que ambos exercem na Espanha é avassalador. O clube da capital chegou a 94 pontos faltando duas rodadas para o fim, seguido pelo rival catalão com 87. O Valencia, até o momento terceiro colocado, aparece praticamente 30 pontos atrás do Barça.

Os merengues, liderados por Cristiano Ronaldo, e os catalães, capitaneados por Messi, ganharam as últimas oito edições da Liga Espanhola. Desde a temporada 2003/04 quando o Valencia desbancou ambos, os times medianos do país ibérico não conseguem superar a dupla Real-Barça. Para efeito de comparação, o Brasil já teve seis campeões diferentes nos nove anos desde que o sistema de pontos corridos começou a ser utilizado.

Djalminha no alto à esq., Riquelme no alto à dir., Luis Fabiano embaixo à dir. e Villa embaixo à esq.

A disparidade econômica entre os times espanhóis em relação aos grandiosos Real e Barcelona inibe a manutenção do fortalecimento das outras equipes do país. O Valencia ainda tenta se segurar como uma terceira força, mesmo após perder o trio David Villa, David Silva e Juan Mata. Já o Atlético de Madrid, hoje com o argentino Diego Simeone como técnico, busca resgatar seu prestígio histórico. Por outro lado, em diversas ocasiões, alguns clubes evoluem e passam a mostrar a bons resultados, mas logo perdem peças importantes para os gigantes do futebol e voltam a cair pelas tabelas.

Nos últimos anos, já sentiram este efeito o Villarreal, de Riquelme, o Sevilla, de Luis Fabiano, o La Coruña, campeão em 1999/00, com Djalminha e Mauro Silva, o Real Sociedad, vice-campeão em 2002/03, entre outros. E, assim, com equipes surpreendentes, mas efêmeras, o futebol espanhol tenta sobreviver ao domínio de Barcelona e Real Madrid.

E segue a disputa

19 fev

A história não é nova, mas começa a ganhar outros contornos. Desde o ano passado, a hipótese vem sendo levantada, mas parece que agora o assunto está em andamento adiantado.

É fato notório a batalha pela audiência entre as duas maiores emissoras de TV do país, Globo e Record, conforme retratado em vários posts aqui anteriormente.

Também é de conhecimento de todos que a compra dos direitos de transmissão dos Jogos Olímpicos de Londres exclusivamente para TV aberta pela emissora paulista foi um duro golpe na líder de audiência.

Pois bem, a Rede Globo parece não estar disposta a ver seu público se esvair para a concorrente durante a disputa olímpica. Notícia veiculada ontem no UOL afirma que a emissora do Jardim Botânico fez um convite para o Barcelona – atual campeão mundial – jogar um torneio amistoso no Brasil.

A ideia é unir o time de Messi & Cia. em um campeonato contra os dois clubes de maior torcida no país – Flamengo e Corinthians. A disputa seria justamente na época da Olimpíada, entre 27 de julho e 12 de agosto.

Agora resta saber se o time espanhol aceitará o convite, como será a disputa dentro de campo e principalmente como reagirá a audiência brasileira com o esporte preferido da nação e grandes nomes do cenário internacional disputando espaço com as categorias olímpicas.

 

Santos X Barça : o duelo mais esperado do ano

17 dez

Por Gabriel Duque

Após o Santos conquistar o título da Taça Libertadores da América deste ano, só se fala deste jogo: a decisão do Mundial de Clubes contra o Barcelona, que faturou a Liga dos Campeões da Europa da temporada 2010/11. O duelo entre as equipes de futebol mais bonito e vistoso e com craques dos dois lados, reservando o confronto particular do melhor do mundo Lionel Messi contra o jovem destaque brasileiro Neymar.

A partida deste domingo, provável de acontecer, se confirmou depois de os times passarem pelas semifinais. O Peixe derrotou o Kashiwa Reysol, do Japão, por 3 a 1, com golaços de Neymar, Borges e Danilo, enquanto a equipe catalã passeou em campo contra o Al Sadd, do Qatar, por 4 a 0.

Agora, os torcedores santistas quebram a cabeça para saber como conseguir parar o toque de bola envolvente do Barça, com o meio-campo comandado por Xavi, Iniesta e Fàbregas.

O clube paulista não vem tão embalado quanto o rival, mas se apoia na qualidade dos seus homens de frente, torcendo por um dia inspirado de Ganso e pelo poder decisivo de Neymar. O Santos também conta com o vitorioso técnico Muricy Ramalho que já conquistou quase tudo na carreira.

Além disso, o retrospecto dos catalães contra times brasileiros não é nada positivo. Campeão mundial apenas uma vez, em 2009, superando o Estudiantes, da Argentina, na final, o Barça se deu mal nas outras duas decisões que disputou. Em 1992, a equipe espanhola, com Stoichkov e Guardiola, perdeu para o São Paulo e, em 2006, o time de Ronaldinho Gaúcho caiu para o Internacional.

Desta vez como treinador, Guardiola tem o favoritismo ao seu favor e a chance de, enfim, ganhar de um adversário brasileiro na decisão. E, se confirmar a vantagem do papel, o Barcelona a se tornará bicampeão, igualando o próprio Santos, que levantou o troféu em 1962 e 1963, com Pelé e companhia.

A esperança santitsa: Neymar

Santos é nono colocado em ranking internacional

5 jul

 

A IFFHS (Federação Internacional de História e Estatística de Futebol, a sigla está em inglês) divulgou hoje o ranking com o melhores times do mundo segundo critérios da entidade.

Campeão da Libertadores, o Santos comandado pelo técnico Muricy Ramalho ocupa a nona colocação na lista com 236 pontos, três a menos que o melhor sul-americano, o argentino Vélez Sarsfield.

Lidera a corrida, o atual campeão da Liga dos Campões da Europa, o Barcelona seguido pelo arquirrival Real Madrid.

Vale lembrar que o Mundial Interclubes da FIFA a ser disputado no Japão, no final do ano, pode ver o confronto entre Barcelona e Santos.

O Barça é tetra

28 maio

Acabou há poucos minutos a grande decisão da temporada 2010/11 da Liga dos Campeões da Europa, realizada no estádio de Wembley, em Londres.

Com gols de Pedro, Messi e Villa o Barcelona bateu o Manchester United por 3 a 1 e sagrou-se tetracampeão da competição. Pelos ingleses, descontou Rooney, apelidado de Shrek.

Segundo informações divulgadas pela imprensa, o público presente à arena britânica foi de 87.695 torcedores que presenciaram um verdadeiro show de Messi & Cia.

Agora o Barcelona espera a definição do campeão da Libertadores, para conhecer o time que disputará o Mundial Interclubes, no final do ano. Santos, Cerro Porteño, Peñarol e Vélez Sarsfield correm atrás do caneco.

Quem sabe, no Japão, não há um confronto entre Messi e Neymar? Mas para isso, é claro, os times precisam passar pelos rivais anteriores. Vale relembrar a zebra do Mazembe que no ano passado derrotou o Internacional e foi à final contra a Internazionale de Milão.

Barcelona x Manchester: o jogo do ano

28 maio

Manchester e Barcelona dividem a torcida em Londres

 
Por Gabriel Duque
 
Faltam menos de quatro horas para o início do jogo mais importante da temporada. Barcelona e Manchester United decidem a final da Liga dos Campeões da Europa, hoje, a partir das 15h45, no Estádio de Wembley, em Londres. É promessa de espetáculo dentro e fora do campo. A torcida vai marcar presença em peso e os astros Messi e Rooney devem travar um duelo de gigantes em busca do título.
 
Mas os dois não jogam sozinhos e a partida terá muitos outros protagonistas. O clube inglês aposta na sua solidez defensiva com a dupla Ferdinand e Vidic à frente do goleiro holandês Van der Sar, que, aos 40 anos, disputa seu último jogo antes de pendurar as luvas. Apesar de a zaga ter grande destaque, os Diabos Vermelhos contam com o mexicano Javier Chicharito Hernández para, ao lado de Rooney, tentar conquistar o troféu.
 
Enquanto o Manchester é um time de consistência e taticamente muito bem plantado em campo, o Barça é a equipe do show e apresenta o futebol mais bonito do planeta. O craque argentino Lionel Messi tem os meio-campistas Xavi e Iniesta como alicerces, além do poder de ataque de David Villa e o apoio sempre perigoso do lateral-direito brasileiro Daniel Alves.
 
Aliás, podemos ter até sete atletas canarinhosem campo. Noclube catalão, além de Daniel Alves, pela lateral-esquerda, Maxwell e Adriano são opções e o jovem Tiago Alcântara, filho do tetracampeão Mazinho, também faz parte do elenco. Já, nos Red Devils, o volante Anderson e os gêmeos Rafael e Fábio são os brasucas. Quem também comparecerá ao Estádio Wembley é o técnico da seleção brasileira, Mano Menezes. Agora, a sorte está lançada e é aguardar pelo grande duelo.

Uma boa discussão

27 abr

Este nosso espaço nasceu com o objetivo de ser um palco para debates saudáveis na internet – por isso o nome: Leia e Opine. Não queremos aqui defender ou julgar nada nem ninguém, apenas buscamos levantar questões de ordem comum para alimentar o pensamento dos leitores.

Pois bem, influenciado pelo caráter questionador de nosso colaborador Gabriel Duque, mas sem quer gerar polêmica, pergunto aos que lerão estas linhas: está a Rede Globo certa em transmitir o jogo de hoje pelas semifinais da Liga dos Campeões da Europa entre Real Madrid e Barcelona?

A questão é levantada pelo seguinte motivo. A emissora carioca é detentora dos direitos de transmissão das partidas e por conveniência repassa para a TV Bandeirantes que exibe todos os jogos desde o início do campeonato.

No entanto, a Rede Globo deixa de mostrar os jogos tidos como menos importantes para apresentar apenas as partidas consideradas clássicos como a de hoje. O meu outro questionamento é: como ficará a audiência durante o duelo, sendo que a Band também mostrará o jogo?

Para se ter uma ideia, desde segunda-feira, os telejornais da Rede Globo – entre eles o “Jornal Nacional” vem exibindo matérias sobre a partida e anunciando a transmissão. Novamente não queremos aqui tomar partido de nenhuma empresa – não é esta a nossa função – mas, buscamos em você leitor a opinião sobre este assunto.

Deixe o seu comentário e revele qual sua visão sobre mais este episódio da televisão brasileira.